9 de dezembro de 2008

#111- Um discurso pra se orgulhar!

15 comentário(s):

Renato disse...

huhuahuuauahauhuaahu
Gozado, é bom descontrair de vez em quando. eheuahuae
E o que esse pessoal mais gosta de fazer é descontrair.

Suspeito que o Lula esteja querendo ingressar para o mercado humorístico da globo, tipo Zorra Total e seu derivados.

E se quer uma opinião, eu gostei da tirinha. (Y)

Jéssica disse...

Gostei da tirinha...
mas tbm axei ridiculo o discurso do presidente lula... como pod um presidente falar assim?!?!?
e so ele pensa q a crise naum vai chegar aki no brasil...
pois ja chego.......
e o ministros rindu disso, foi mas ridiculo ainda...
que pais eh esse ond o presidente fala assim?!?!? ou melhor, nem sab falar....
mas fora isso, muito boa a sua estorinha....

Leonardo disse...

tenho que concodar nas elesoes passadas eu preferia que o Geraldo Alquimi que ganhace as eleisoas o Lula nao faz nada pelo brasil

James disse...

Muito bem bolada a tirinha! E dizer que o Lula não faz nada pelo Brasil é uma sacanagem! Pois na verdade ele está nos incentivando nas piadas e consequentemente, nas tirinhas! hauahauahau!

Ricardo disse...

O menino chorão esta virando um blog de sátiras sociais...
Com um presidente desses... putz...
Agora só falta escrever pro jornal!
muito lgl, Carol!

Cássia disse...

Carol pra presidente!!!

José Lucas disse...

A verdade é que tá virando um país humorístico!
Um país Zorra Total (ou seja, um país sem graça)!

Jimmy disse...

Só o brasileiro mesmo pra conseguir rir de uma tirinha dessas hahaha

Mas que dá vontade de chorar, isso dá

DANIEL disse...

(8)"Se vc tem um presidente de merda bata palmas *clap clap clap*
Se vc tem um presidente de merda bata palmas *clap clap clap*
Se vc está contente
e nem aí pro seu país
Se vc tem um presidente de merda bata palmas *clap clap clap*" (8)

Ravick disse...

Atrevendo-me a discordar da Carol e dos leitores, em seu discurso ele fez um comentário sobre uma discussão frequente em economia: Até onde o Estado deve intervir na economia (ele não disse que chamaram um "país", mas o Estado). Liberais em geral dizem que o Estado não têm nada que se meter, e q o mercado é que dese se regular sozinho. Ideais mais "esquerdistas" (so sentido de mais "popular") apregoam que o Estado deve controlar o mercado, em prol do povo.

O que disse o presidente, ainda que em termos "chulos", é enquanto o mercado vai bem, os liberais não querem saber do Estado, mas quando vai mal, "dá diarréia", eles choram auxílio e subsídios ao Estado.

Sobre o "sifú", foi a explicação que ele deu para o fato de ter afirmado sempre que a crise não iria influenciar aqui. Se ele dissesse que ia, ngm ia mais ter coragem de investir, a economia ia se retrair ainda mais, e seria um "caos". Dando mais confiança (ou, pelo menos, menos MEDO) nos investidores, o governo ajuda a amenizar os efeitos da crise. Foi isso que ele quis dizer quanto ao que um médico diz ao seu paciente.

Adoro o blog e as tirinhas! Não me levem a mal, eu comentei apenas pq me entristece ver o pessoal criticando os termos usados (o que eu acho meio uma futilidade, mas enfim, é relativo) sem nem entender o que foi dito.

P.s.: Não tenho preferências políticas ;)

:)

Anônimo disse...

muito legal
e aquela quando o Lula foi a África e disse:
-Nossa, é tão bonita e tão limpa que nem parece que é a África


legal ele né?

Jéssica disse...

Atualiza Logo...
Ta um tempão sem atualizar...

Ideais e Alucinações disse...

Essa foi a melhor!!!!

Silas disse...

eu acho que o lula já tá usando gíria do submundo do rio de janeiro, tipo os "comandos" que habitam por aqui, tomem cuidado!!!

Mareeh disse...

HUASHUASHUASHUAS'
Sim, isso foi ridículo, mas é bom descontrair sobre esses fatos um pouco.
Parabéns, adorei o blog!

:*

Parceiros